Ir para conteúdo principal

Olá! Está disponível uma avaliação gratuita dos planos Standard e Essentials. Comece grátis hoje mesmo.

O poder dos e‑mail hooks no engajamento

Saiba o que é e‑mail hook e como chamar a atenção na hora de escrever seu e‑mail de marketing. Aumente o engajamento em sua campanha de e‑mail.

Você está procurando maneiras de aumentar o envolvimento com suas campanhas de e-mail?

Talvez você tenha passado noites inteiras fazendo testes A/B . Ou, quem sabe, tenha tentado personalizar até o enésimo grau, escrevendo e-mails diferentes para cada cliente em potencial.

É provável que a conclusão mais importante que você tenha tirado de todo o seu trabalho árduo seja esta: gatilhos emocionais são o segredo do sucesso das campanhas de e-mail.

Mas leva tempo para dominar a arte de pesquisar, escrever e executar gatilhos emocionais em e-mails. Felizmente, neste artigo, contaremos o que você precisa saber sobre a arte de escrever o gancho do e-mail.

O que é um e-mail hook?

Todo e-mail precisa de um gancho. Um hook (gancho) nada mais é do que uma frase que chama a atenção do destinatário para que ele realize ações.

Geralmente, um gancho desencadeia uma emoção. Ele pode ser algo que faça você rir. Ou pode abordar os pontos problemáticos do destinatário e até mesmo algo ofensivo.

Ganchos de e-mail provocam o sistema límbico do cérebro. Eles invocam uma resposta imediata sobre a qual o destinatário não precisa pensar. Isso pode incluir uma chamada à ação, movendo o leitor para baixo no funil de vendas. Geralmente, eles fazem uma pergunta à qual o leitor dirá "não tenho uma boa resposta para isso," motivando-o a ler o resto da sua mensagem.

Onde você coloca o e-mail hook?

Os ganchos podem estar em qualquer lugar do e-mail. As práticas recomendadas para escrever linhas de assunto incentivam escrever um e-mail hook na linha de assunto para fazer com que o destinatário abra o e-mail.

Na linha de assunto

Uma estatística (ou mesmo apenas um número) ou um fato interessante é uma ótima maneira de escrever um assunto cativante para um e-mail. E nem faz diferença se você explica ou não esse fato, número ou estatística no corpo do e-mail se o seu leitor puder saltar rapidamente para o próximo gancho.

Na frase de abertura

Outro lugar para posicionar um gancho de e-mail é a primeira frase no e-mail. Surpreendentemente, as pessoas são mais ou menos propensas a responder ao seu e-mail se você não responder à pergunta que faz no início da comunicação. Afinal, seu objetivo é fazer com que seus clientes em potencial se interessem mais em seu produto ou serviço do que na frase atraente do início.

Mas um gancho ainda melhor na frase principal é algum fato ou estatística diretamente relacionada com o leitor. À medida que você aprende cada vez mais sobre como escrever um e-mail e construir um público forte, cada vez mais clientes em potencial e atuais fortalecerão sua própria presença digital com sua marca.

No corpo do e-mail

Muitas vezes, um elogio aproxima você de uma decisão de vendas. Espalhe ganchos personalizados pelo texto. Isso funciona por que os destinatários de e-mail adoram ser reconhecidos como indivíduos, não apenas como membros anônimos de um segmento de mercado.

Usando a Mailchimp com a integração de clientes potenciais do Linkedin, por exemplo, você pode personalizar seu marketing de acordo com os cargos, interesses profissionais e pessoais e a atividade dos seus clientes em potencial na plataforma LinkedIn.

Você não precisa falar muito sobre sua proposta de valor ou seu produto para persuadir o destinatário do seu e-mail a querer mais informações sobre o que você tem a oferecer. Eles assumirão o controle da busca por informações sobre sua empresa e perguntarão o que você pode fazer por eles.

Você também pode criar um banco de dados de publicações e comentários de clientes em potencial e existentes para criar um gancho altamente personalizado que você pode usar em qualquer lugar no texto do seu e-mail.

No post scriptum

Depois de escrever um e-mail que gera conversões, você se sentirá mais confiante em colocar ganchos em seus e-mails, mesmo em um PS. Não exagere nas chamadas à ação, ou seu texto pode ficar excessivamente comercial.

Diferentes tipos de e-mail hooks

Para escrever e-mails bem-sucedidos, você usará uma variedade de ganchos emocionais em sua redação. Você não precisa pensar demais nos ganchos de e-mail. Mas você precisa posicioná-los estrategicamente.

Ganchos emocionais

Ganchos emocionais, como já mencionamos, acionam o sistema límbico do cérebro. E poucas emoções são mais positivas do que um senso de pertencimento, que você pode evocar personalizando seus e-mails.

Você também pode despertar o interesse em seus e-mails provocando:

  • Medo. Avise o leitor sobre algo que acontecerá se ele não tomar a ação apropriada.
  • Ganância. Apele para o desejo do leitor de ganhar dinheiro.
  • Culpa. Ajude o leitor a entender que ele tem a oportunidade de fazer algo certo.
  • Esperança. Crie um senso de expectativa de um resultado favorável.
  • Desejo. Motive o leitor apelando para sua necessidade de intimidade física.
  • Vaidade. Elogie o gosto e a inteligência do leitor.

Ganchos de escassez e urgência

Ganchos de escassez abordam pontos problemáticos. Eles fornecem a solução que o leitor procura. E eles também transmitem que o produto, preço ou serviço que o leitor precisa está em falta, portanto, é necessária uma ação imediata.

Como você operacionaliza um gancho de escassez?

  • Use números. Por exemplo, você pode começar o e-mail com uma frase como "Só fizemos 250" ou "Só temos 100 em estoque." Números como esses são fáceis de entender.
  • Mencione a possibilidade de esgotar. Um exemplo desse tipo de gancho é "Não podemos manter essa calça jeans no estoque." Ou o vendedor pode mencionar uma lista de espera.
  • Adicione um incentivo. Ofereça um código de desconto ou oferta de cashback para clientes que se inscreverem até uma determinada data.
  • Concentre-se na exclusividade. Demonstre ao seu cliente em potencial que você tem um produto que ele não consegue obter em nenhum outro lugar e que pode acabar.
  • Use palavras de poder. Alguns clientes simplesmente não utilizam códigos de desconto. Mas eles responderão a uma oferta de envio ou serviço "grátis", especialmente se ela estiver disponível apenas por tempo limitado.

O marketing de escassez não se limita a descontos. Trata-se realmente de transmitir o fato de que seu cliente ficará mais satisfeito se comprar agora em vez de depois.

Ganchos de personalização

As ferramentas de escrita de e-mails da Mailchimp fornecem tokens de personalização de todas as informações de contato no seu banco de dados. Você pode chamar seus destinatários pelo nome. Você pode usar informações de endereço, data de nascimento, nome do empregador e muito mais.

Certifique-se de que seu e-mail esteja configurado para levar em conta lacunas nas informações, para que eles façam sentido. Melhor ainda, use as ferramentas da Mailchimp para monitorar as redes sociais e combinar perfeitamente seu e-mail com a presença on-line do seu cliente em potencial.

Ganchos de curiosidade

Alguns profissionais de marketing obtêm ótimos resultados com os clientes existentes seguindo a regra 2-1. Liste duas coisas que o destinatário espera estarem juntas com uma terceira que não combina. A descontinuidade pode ser óbvia, mas não precisa ser.

Muitos redatores usam ganchos para implementar o modelo AIDA: atenção, interesse, desejo e ação. Eles usam ganchos para chamar a atenção do leitor apenas para abrir o e-mail. Assim, estimulam o interesse para manter o leitor envolvido até que possam perceber seu desejo pelo produto, processo ou nova ideia. Depois, eles incluem o CTA, que nem sempre é clicar em um link, de acordo com os objetivos da campanha.

Como os ganchos aumentam o envolvimento?

A Cleveland Clinic publicou uma estatística de que nosso cérebro processa cerca de 70.000 pensamentos por dia . O objetivo do marketing por e-mail é garantir que apenas um desses pensamentos resulte na abertura de um e-mail e apenas um resulte em uma chamada à ação.

Como os ganchos de e-mail mudam dois pensamentos por dia para aumentar o envolvimento?

  • Personalização. A maioria de nós passa de 12 a 13 horas por dia na frente de telas. A personalização nos dá um senso de diálogo que faz falta em nosso dia a dia.
  • Reciprocidade. Este é o segredo do poder motivador da palavra "grátis" para a maioria dos clientes. Quando alguém dá algo para você, você fica com vontade de dar algo em troca. Seus clientes podem recompensá-lo com uma compra.
  • Prova social. Os clientes que veem outras pessoas comprando on-line se sentem validados ao tomar suas decisões de compra.

Como escrever e-mail hooks eficazes que mobilizam o seu público

Para escrever um gancho de e-mail eficaz, você precisará identificar seu público-alvo. Você precisará entender as necessidades e desejos dele para criar um gancho que desperte suas emoções. Mas para que tudo isso funcione, você precisa seguir uma regra básica:

enviar mais e-mails no início da sua campanha e menos à medida que a campanha continua.

Os melhores profissionais de marketing por e-mail evitam vacinar seus clientes em potencial contra seu discurso de vendas. No primeiro dia, um e-mail, um toque nas redes sociais e até mesmo uma ligação fria já servem. Mas quanto mais vezes você entrar em contato com o mesmo cliente na mesma campanha, mais você precisará afastar seus contatos um do outro.

Medir a eficácia dos ganchos

Agora você sabe como escrever ganchos eficazes para sua próxima campanha de e-mail. Mas como você saberá se eles funcionaram bem?

A Mailchimp oferece um conjunto completo de ferramentas para avaliar o sucesso das campanhas de e-mail para ajudar você a entender os resultados das suas campanhas de e-mail.

Compartilhar este artigo