Ir para conteúdo principal

Olá! Está disponível uma avaliação gratuita dos planos Standard e Essentials. Comece grátis hoje mesmo.

Ideias de empresas para se tornar seu próprio chefe

Aprenda a identificar boas ideias de negócios e como conduzi‑las do conceito à produção.

Candidatar-se a empregos e fazer entrevistas sem fim podem parecer as melhores coisas para se arranjar um emprego, mas isso não é necessariamente verdade. Empreendedorismo é uma opção que muitas pessoas buscam, especialmente nesta economia, com um número crescente de profissionais autônomos e pequenas empresas. Há prós e contras em trabalhar para si mesmo e cada novo empreendimento vem com seu próprio conjunto de desafios. Abaixo, exploraremos as características de uma boa ideia de negócios, como gerar ótimas ideias de negócios e os prós e contras de ser seu próprio chefe.

Elementos-chave de uma boa ideia de negócios

Não há limites para o tipo de negócio próprio que você pode criar. Embora as especificidades variem, há alguns elementos-chave consistentes para todos os negócios bem-sucedidos.

Demanda clara de um produto ou serviço

A oferta e a demanda são o alicerce de todos os negócios. Cada ideia de negócios deve ter evidências concretas e claras da demanda em seu mercado ou campo. Você pode medir a demanda do mercado de algumas maneiras. É possível usar um software de marketing e divulgação para expor sua ideia para o público desejado, ou entrar em contato com seu público usando pesquisas de interesse ou fóruns abertos. Quanto melhor você conhecer seu público, maior será a probabilidade de sucesso; considere o fato de que 14% das startups falham ao não considerar as necessidades dos clientes.

Objetivos de curto e longo prazo

Ter um plano detalhado é crucial para tornar qualquer empreendimento bem-sucedido. Seus planos de longo prazo e de curto prazo devem trabalhar juntos para manter você no caminho certo. Defina metas SMART de curto prazo para estar preparado para o sucesso de longo prazo.

Espaço para crescimento

Não tenha medo de alterar parcialmente (ou totalmente) a sua ideia com base em novas informações ou experiências. Às vezes, é preciso mudar. É importante acompanhar o mercado atual e estar disposto a adaptar-se caso sua base de clientes gere um feedback inesperado. Ser flexível e manter a mente aberta pode significar a diferença entre ter uma ideia e não tirá-la do papel ou apresentá-la ao mundo. Lembre-se, você sempre pode repensar algumas coisas depois de se estabelecer.

A quantidade certa de motivação

Sua ideia de negócios não precisa necessariamente coincidir com fazer algo que ame (embora isso ajude), mas deve ser baseada em algo que motive sua busca. Se está trabalhando para servir a uma causa ou comunidade que é importante para você, aperfeiçoar um conjunto de habilidades ou ajudar os outros a fazerem o mesmo, a motivação pode ajudar a manter você inspirado durante momentos desafiadores.

Como gerar ideias de negócios

A geração de ideias de negócios é uma das etapas mais importantes para qualquer empreendedor. Se você não tiver boas ideias, será difícil tirar o seu negócio do papel.

Nesta publicação do blog, ensinaremos como gerar ideias de negócios que o ajudarão a alcançar o sucesso. Também daremos algumas dicas sobre como garantir que sua ideia seja viável.

1. Pergunte à família e aos amigos

O primeiro lugar que qualquer empreendedor deve procurar ao apresentar novas ideias de negócios é sua própria rede de família e amigos. Afinal, essas são as pessoas que melhor conhecem você e provavelmente apoiarão seu novo empreendimento.

Ao pedir ideias às pessoas mais próximas de você, você não apenas receberá algumas ótimas sugestões, mas também terá uma ideia de que tipo de negócio seria uma boa opção para suas habilidades.

Seus amigos e familiares também terão perspectivas muito diferentes das suas. Eles têm situações com as quais lidam todos os dias em que você pode não ter pensado.

2. Considere os problemas do seu dia a dia e resolva-os!

As melhores ideias de negócios vêm da solução de problemas que você ou outras pessoas enfrentam todos os dias. Se há algo na sua vida que frustra você, é provável que haja muitas outras pessoas que se sentem da mesma forma.

Crie uma lista de diferentes problemas que você enfrenta durante o seu dia. Depois de criar uma lista de cerca de 10 problemas diferentes, tente fazer um brainstorm de uma a três soluções diferentes que ainda não existem.

Ao identificar esses pontos problemáticos e criar uma solução, você estará no caminho para iniciar um negócio bem-sucedido.

3. Aproveite seus hobbies

Você não terá muitas ideias de negócios para engenharia de foguetes se nunca tiver construído um foguete modelo antes.

É por isso que é importante considerar seus hobbies e interesses ao tentar criar uma ideia de negócios. É muito mais fácil (e mais agradável) construir um negócio em torno de algo pelo qual você é apaixonado.

Se você adora caminhadas, por exemplo, pode começar uma empresa de aluguel de equipamentos para caminhadas ou uma empresa de turismo para caminhadas. Se você gosta de carros, pode começar um negócio de detalhamento (detailing) de carros ou um negócio de restauração de carros clássicos.

Seja qual for a opção escolhida, você acabará acompanhando a jornada até o fim, porque se importa mais com o resultado.

4. Considere se há tarefas que você poderia facilitar

O problema que muitos empreendedores enfrentam ao pensar em uma nova ideia de negócios é tentar criar o próximo maior acontecimento. Mas, às vezes, as melhores ideias de negócios são aquelas que resolvem um problema mais comum.

Uma ótima maneira de criar novas ideias de negócios é pensar em maneiras de tornar as tarefas existentes mais fáceis ou eficientes.

Por exemplo, digamos que você seja um corretor imobiliário. Você poderia criar um serviço que ajudasse as pessoas a encontrar a casa dos sonhos fazendo toda a pesquisa para elas.

Você também pode iniciar um negócio que ajude as pessoas a preparar suas casas para venda ou que ofereça passeios virtuais em propriedades.

Ao pensar em maneiras de facilitar as tarefas diárias, você será capaz de apresentar muitas novas ideias de negócios que têm o potencial de ser bem-sucedidas sem todo o esforço mental.

5. Baseie-se em produtos ou serviços existentes

Se você está tendo dificuldades para apresentar novas ideias para um negócio, muitas vezes é útil basear-se em produtos ou serviços que já existem. Você não terá a pressão de criar algo completamente novo e pode se concentrar em melhorar o que já está por aí. Pesquise negócios semelhantes; o que eles estão fazendo bem? O que você poderia melhorar?

Uma ótima maneira de fazer isso é observando os serviços ou produtos atuais que você já usa e perguntando a si mesmo: "E se?".   E se esse serviço estivesse disponível na minha cidade? E se este produto fosse mais barato/melhor qualidade/mais fácil de usar?

Como criar seu negócio

Depois de criar uma ideia e identificar a demanda por ela, você pode começar a torná-la realidade. Abaixo estão alguns pontos de partida padrão para colocar um negócio para funcionar.

Pesquise o mercado

Independentemente de qual for a sua ideia, o fato é que seu produto ou serviço se destinará a um grupo específico de pessoas e/ou deverá atender a necessidades específicas. É importante pesquisar o mercado que você planeja atender. Os resultados dessa pesquisa serão a base da sua filosofia de atendimento ao cliente. Decida como deve ser seu atendimento, quais canais usar, e qual conteúdo é mais fácil ou acessível para sua base de clientes. A pesquisa de mercado também é importante para se obter uma leitura precisa dos problemas reais, percalços ou dificuldades que seus clientes potenciais enfrentam.

Atenda à demanda

Depois de encontrar seu mercado e fazer algumas pesquisas, é hora de identificar uma necessidade específica que você planeja abordar. Por exemplo, a empreendedora Sara Blakely, criadora da Spanx, identificou uma demanda por modeladores que fossem discretos e confortáveis. Ela abordou essa necessidade com a Spanx. Depois de identificar demandas em seu mercado, você pode começar a criar algo concreto que possa atender a essas necessidades.

Pesquise sua base de clientes

Outra etapa importante do processo criativo é procurar abordar diretamente sua base de clientes em potencial. Você pode fazer isso com uma campanha de e-mail, um fórum aberto ou uma pesquisa on-line. Isso pode ajudar você a trabalhar com mais eficácia e a expandir seus negócios criando conexões e descobrindo mais necessidades de mercado. Veja como o criador de pesquisas on-line gratuito do Mailchimp se compara ao da concorrência.

Crie um orçamento

Certifique-se de considerar todos os custos potenciais ao criar seu orçamento de negócios. Há muitos recursos que podem ajudar você a fazer as coisas gratuitamente ou com um custo reduzido, como de criação de sites ou design de páginas de produtos. Mas há algumas coisas que você simplesmente não pode fazer sozinho. Os custos de negócio de uma start-up podem incluir:

  • Produção/fabricação de produtos
  • Aluguel de loja ou escritório
  • Funcionários
  • Materiais promocionais
  • Aluguel de espaço para armazenamento ou produção
  • Design de interiores

Pode ser fácil subestimar os custos para iniciar um negócio caso você nunca tenha feito isso antes. Se estiver se sentindo sobrecarregado com as hipóteses, contrate um consultor financeiro que possa ajudar a criar e a manter um orçamento flexível.

Busque investidores, se necessário

Depois de estabelecer seu orçamento, você pode determinar se conquistar investidores será uma opção útil ou viável para você. Investidores podem ser um ótimo recurso para ajudar um novo negócio a se estabelecer financeiramente. No entanto, isso também pode significar ter que sacrificar certo controle criativo. Se quiser buscar investidores, vai querer aprender como preparar uma apresentação.

Seja flexível

É importante lembrar que as ideias de negócios raramente são perfeitas logo de início. Esteja aberto para ajustar seu plano, orçamento e ideias conforme as necessidades surgirem. No entanto, tente evitar grandes mudanças de última hora, porque isso pode surtir efeitos posteriormente.

Defina prazos

Prazos podem ser uma ferramenta útil para ajudar a manter suas metas no caminho certo. Prazos bem definidos podem ajudar a manter limites, reconhecer o que é plausível ou não para você, definir metas com foco em detalhes e medir o sucesso.

Prós e contras do empreendedorismo

O empreendedorismo pode ser gratificante, criativamente recompensador e uma ótima alternativa a um trabalho tradicional. No entanto, não é fácil iniciar e manter uma pequena empresa.

Benefícios

Há alguns benefícios incríveis em criar seu próprio negócio ou tornar-se um profissional autônomo, incluindo:

  • Ser seu próprio chefe
  • Encontrar nichos inexplorados em um mercado
  • Ser pioneiro em algo
  • Colher retornos financeiros
  • Ser criativamente recompensado

Desvantagens

Mas, assim como os benefícios, há também algumas desvantagens que os proprietários de pequenas empresas, sejam elas novas ou antigas, podem vivenciar.

  • Incerteza sobre o futuro
  • Altos e baixos financeiros
  • Desequilíbrio entre vida pessoal e profissional
  • Limitação de suporte e recursos

Prepare-se para o sucesso com sua nova ideia de negócios

Criar uma ideia de negócios, realizar sua pesquisa e submetê-la ao processo de criação pode ser uma escolha difícil, mas definitivamente é algo recompensador. Se você é uma pessoa motivada, organizada e focada em metas, administrar seu próprio negócio pode ser a mudança de carreira mais indicada. Considere ferramentas que possam ajudá-lo a alcançar as metas de negócios desejadas, como o Mailchimp, e coloque seu empreendimento no caminho para o sucesso.

Inscreva‑se para obter mais dicas de marketing diretamente na sua caixa de entrada.

Compartilhar este artigo